BE, PCP, Livre e PAN criticam timing da revisão constitucional mas vão a jogo

Propostas já anunciadas visam reforçar direitos fundamentais.

Foto
Parlamento começa a debater alterações à Constituição a partir do final do mês Nuno Ferreira Santos

Mesmo com críticas sobre o momento escolhido para a abertura de um processo de revisão constitucional, o BE e o PCP, bem como os deputados únicos do Livre e do PAN, vão a jogo e apresentam propostas que visam, sobretudo, reforçar os direitos fundamentais. A Iniciativa Liberal também voltará a entregar um projecto mas não quis revelar se o texto será idêntico ao que defenderam na anterior legislatura.

Sugerir correcção
Comentar