Putin vai declarar guerra aos russos

À medida que a mobilização lhes bate à porta, a população russa terá, forçosamente, uma maior consciência do absurdo que esta guerra é.

Os pretensos referendos que a Rússia promoveu nas zonas ocupadas da Ucrânia, que terminaram esta terça-feira, não têm qualquer legitimidade ou legalidade. Não há qualquer dúvida sobre uma anexação territorial forçada de um Estado por parte de outro Estado: é uma violação da Carta da ONU e do direito internacional.

Sugerir correcção
Ler 22 comentários