Onze histórias para seguir na nova temporada

Do segundo treinador alemão da história do Benfica a mais um retornado português de Barcelona, o centro de gravidade do campeão em título, ou a moda dos futebolistas japoneses, aqui ficam algumas pistas para seguir em 2022-23.

Foto
O FC Porto já conquistou o primeiro troféu da época, a Supertaça EPA/MANUEL FERNANDO ARAÚJO

O Benfica rompeu com a sua tradição recente de só contratar treinadores portugueses e apostou num alemão para chegar a um título que lhe escapa há três temporadas. O Sporting, por seu lado, manteve a estabilidade técnica e apostou no regresso de um jovem craque, enquanto o FC Porto terá de confiar na criatividade do seu treinador tricampeão e na polivalência de um dos seus líderes em campo para reconstruir um meio-campo que perdeu dois dos seus melhores elementos. E será que o Sp. Braga irá manter o seu capitão? E que dizer da moda em contratar futebolistas japoneses, ou das pérolas espanholas que encontram o seu lugar do lado português da Península Ibérica? São algumas das muitas narrativas para seguir em mais uma época de futebol português de primeira em 2022-23.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários