Portugal: um enérgico Plano de Recuperação e Resiliência?

O PRR parece ser uma das principais alavancas da aceleração da transição energética no nosso país e, em consequência, contribuirá para a redução da dependência europeia da Rússia.

Para lá da tragédia ucraniana e da geopolítica, há um outro conflito que a União Europeia tardou em compreender e que, em desespero, muitos Estados-membros procuram conquistar. A procura de energia, fornecida rapidamente e ao menor preço possível, é o principal desígnio da atual diplomacia económica europeia, enquanto procura resolver outras não menos importantes crises, como a dos refugiados, agora a Leste, depois do Sul, e uma inflação ao nível do século passado.

Sugerir correcção
Comentar