Presidente de Portugal “pintando o sete” na Bienal Internacional do Livro de São Paulo

Marcelo Rebelo de Sousa visitou este domingo a Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que está no seu segundo dia e tem Portugal como país convidado. Na cerimónia de abertura no sábado falou do acordo ortográfico e defendeu um modelo alargado de depósito legal.

Foto
Marcelo com responsáveis da Bienal de São Paulo durante a sessão de abertura LUSA/PAULO NOVAIS

Dentro de um eléctrico português em cartão, cuja placa de destino indica “Pintando o sete”, no espaço infantil da 26.ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, estão duas “personagens”. Conversam e desenham, rodeadas por uma imensa agitação de câmaras de televisão, fotógrafos, seguranças, personalidades brasileiras e uma multidão a filmar de telemóveis na mão. São eles uns jovens de 73 e de 86 anos: o Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, de visita ao evento que tem Portugal como país convidado, e o célebre escritor e cartoonista brasileiro Mauricio de Sousa.

Sugerir correcção
Ler 4 comentários