Apoio ao cabaz alimentar é prolongado, mas só por um mês (e não três como deu a entender Costa)

Segundo as contas do Governo, o apoio terá um custo de 64 milhões de euros e será pago aos agregados de uma só vez e não ao longo de três meses, como o primeiro-ministro afirmou no debate de quarta-feira.

Foto
Ana Mendes Godinho, ministra do Trabalho e da Segurança Social, esclareceu a informação antecipada por António Costa LUSA/TIAGO PETINGA

Sugerir correcção
Ler 11 comentários