Recrutamento: procura-se especialista em Desorganização de Empresas

O excesso de organização sufoca as empresas e não lhes permite evoluir. É da desorganização que nascem os verdadeiros elementos diferenciadores e criativos que podem fazer a diferença numa indústria. Só com desorganização controlada e proactiva é que se pode evitar o Teatro da Inovação, uma farsa contínua que as empresas tendem a alimentar para parecer bonito e se financiarem com fundos.

É comum falar do sucesso de grandes empresas que transformaram radicalmente indústrias ou que criaram novas indústrias. O mérito está sempre na Uber, na AirBnB ou na Amazon. São todos brilhantes e inovadores. E são mesmo. Mas quanto do mérito destas empresas é demérito de indústrias inteiras que se sentam à sombra da bananeira à espera que o tempo passasse sem espicaçar modelos de negócio que lhes fossem favoráveis? Quanto do mérito da Uber é demérito e inércia de décadas da gestão global das empresas de táxis? Quanto do mérito da AirBnB é demérito das cadeias hoteleiras e do alojamento local? Por que razão a Amazon revolucionou e fez o que mais ninguém conseguiu? Será que é porque se sabem desorganizar bastante bem? Talvez os sucessos sejam o resultado de um equilíbrio fino entre a sorte dos que arriscam e o demérito dos que não se movem.

Sugerir correcção
Comentar