Dasha escolheu ficar em Portugal. Outros arriscam regressar à Ucrânia em guerra

Há ucranianos que deixam Portugal. E outros que continuam a chegar todos os dias embora em muito menor número. Até quinta-feira, 215 tinham cancelado o pedido de protecção temporária, mais 55 do que no fim de Abril.

Foto
Já terão sido muitas centenas, ou mesmo mais de dois mil, a deixar Portugal. Duarte Drago

Leia aqui mais sobre o tema:

Sugerir correcção
Ler 1 comentários