BE agarra a habitação e vai ao bairro Jamaica para fazer frente ao racismo de Ventura

A comitiva bloquista foi até ao bairro da Jamaica, onde mora a família insultada por André Ventura e que venceu um processo no tribunal contra o líder do Chega.

seixal,racismo,habitacao,catarina-martins,politica,be,
Fotogaleria
Catarina Martins, coordenadora do BE, com Fernando Caxi, representante da associação de moradores, no Bairro Jamaica LUSA/JOSÉ RELVAS
seixal,racismo,habitacao,catarina-martins,politica,be,
Fotogaleria
LUSA/JOSÉ RELVAS
seixal,racismo,habitacao,catarina-martins,politica,be,
Fotogaleria
LUSA/JOSÉ RELVAS
seixal,racismo,habitacao,catarina-martins,politica,be,
Fotogaleria
LUSA/JOSÉ RELVAS

Ao terceiro dia, o BE concentrou-se numa das “bandeiras” do partido: a luta pela habitação digna. O Bairro da Jamaica, na freguesia de Amora, no Seixal, foi por isso a escolha dos bloquistas, que, simbolicamente relembram a ambição destas eleições: manter o BE como terceira força política, ser o travão do crescimento do Chega no Parlamento e “a derrota do racismo de André Ventura”.

Sugerir correcção
Ler 7 comentários