Nápoles vence na Liga Europa

Líderes invictos da Série A italiana tiveram grandes dificuldades para ultrapassar o Légia Varsóvia.

Foto
Insigne marcou o primeiro fo Nápoles EPA/CIRO FUSCO

O Nápoles ainda não perdeu qualquer ponto na Série A italiana – oito vitórias em oito jornadas, mas estava com enormes dificuldades em conquistar pontos na Liga Europa. Nesta quinta-feira, no Estádio Diego Armando Maradona, os napolitanos voltaram a sentir grandes dificuldades frente ao Légia Varsóvia, mas conseguiram finalmente uma vitória, um 3-0 apenas construído nos últimos 15 minutos, com golos de Insigne (76’), Osimhen (80’) e Politano (90’).

Com este triunfo, o Nápoles reentrou na luta pelo apuramento num muito equilibrado Grupo C, com quatro pontos, a par de Leicester City, e dois pontos atrás do ainda líder Légia. Em último segue o Spartak Moscovo, de Rui Vitória, com três pontos.

Num dia em que se jogaram quase todos os jogos da terceira jornada, Midtjylland e Estrela Vermelha empataram na Dinamarca (1-1) no outro encontro do Grupo F, que também integra o Sp. Braga. Foram os primeiros pontos perdidos pela formação sérvia, que continua a liderar o agrupamento, com sete pontos, apenas mais um que os minhotos, que triunfaram a meio da tarde na Búlgaria frente ao Ludogorets.

Em Lyon, o Olympique bem sofreu para manter o seu registo perfeito no Grupo A. Com Anthony Lopes de início, a formação francesa esteve a perder por dois com o Sparta de Praga, mas conseguiu a reviravolta e acabou por triunfar por 4-2, estando bem lançada para o apuramento.

Também difícil foi o triunfo do Mónaco no Phillips Stadium, em Eindhoven, a contar para o Grupo B. A equipa do principado, com Gelson Martins no banco (entrou aos 74’), triunfou por 1-2, com o golo da vitória a surgir apenas aos 89’, por Diop. No outro jogo do grupo, a Real Sociedad foi à Áustria triunfar sobre o Sturm Graz por 0-1, com golo de Isak aos 69’.

Dois dos jogos de maior cartaz nesta terceira ronda da Liga Europa não tiveram vencedor. Em Roma, a contar para o Grupo E, Lazio e Marselha não conseguiram melhor do que um empate sem golos. Em Sevilha, a contar para o Grupo G, Bétis e Bayer Leverkusen ficaram-se por um 1-1, mantendo-se ambos empatados no primeiro lugar, com sete pontos.