Os micro-acontecimentos de Tatiana Macedo escondem uma tensão subtil

Em Coimbra, o Centro Artes Visuais mostra instalações da artista portuguesa e de Horácio Frutuoso até dia 28 de Novembro.

Foto

Há um som que atravessa todas as peças que, juntas, compõem Soundtracks for the Deaf, a mais recente instalação da artista Tatiana Macedo, que abriu ao público no passado fim-de-semana, no Centro de Artes Visuais (CAV), em Coimbra, com curadoria de Ana Anacleto. A maioria dos trabalhos em exibição são vídeos que registam “micro-acontecimentos, micro-acções”, em que o olhar da autora “se prolonga em planos fixos sobre acontecimentos aparentemente banais”, aqui “transformados numa obra evocativa, poética”, explica a curadora.