Questionário de Proust. Paulo Cunha: “Irrita-me ser workaholic. Trabalho compulsivamente”

O presidente da Câmara de Famalicão diz que a sua maior extravagância é ter “umas boas sapatilhas de corrida”.

Foto
DR

Qual a sua ideia de felicidade perfeita?

Ter uma família feliz.

Qual é o seu maior medo?

Não ser capaz de proporcionar felicidade aos que me são chegados.

Na sua personalidade, que característica que mais o irrita?

Workaholic. Trabalho compulsivamente.

E qual o traço de personalidade que mais o irrita nos outros?

A falta de seriedade para com os próprios, em primeiro, e para com os outros, em segundo.

Que pessoa viva mais admira?

O Papa Francisco.

Qual a sua maior extravagância?

Umas boas sapatilhas de corrida.

Qual o seu estado de espírito neste momento?

Sinto-me bem.

Qual a virtude que pensa estar sobrevalorizada?

A ambição individual.

Em que ocasiões mente?

Quando digo estar de férias porque, de facto, nunca me desligo do trabalho.

O que menos gosta na sua aparência física?

Não tenho problemas com isso.

Entre as pessoas vivas, qual a que mais despreza?

Tenho respeito por todos os seres humanos.

Qual a qualidade que mais admira num homem?

A capacidade para gerar conhecimento.

E numa mulher?

A mesma coisa.

Diga uma palavra – ou frase – que usa com muita frequência.

Devemos preocupar-nos uns com os outros.

 O quê ou quem é o maior amor da sua vida?

A Sandra, a Ana e a Ema.

Onde e quando se sente mais feliz?

Quando e onde faço alguém feliz.

Que talento não tem e gostaria de ter?

Não regateio talentos.

Se pudesse mudar alguma coisa em si o que é que seria?

A obstinação.

O que considera ter sido a sua maior realização?

Ser pai.

Se houvesse vida depois da morte, quem ou o quê gostaria de ser?

Estar ao serviço e fazer o que ainda não foi feito.

Onde prefere morar?

Vila Nova de Famalicão.

Qual o seu maior tesouro?

A minha família.

O que considera ser o cúmulo da miséria?

A desonestidade.

Qual a sua ocupação favorita?

Estar ao serviço da comunidade.

A sua característica mais marcante?

Determinado.

O que mais valoriza nos amigos?

A lealdade.

Quem são os seus escritores favoritos?

Camilo, Eça, Saramago.

Quem é o seu herói de ficção?

O Super-Homem.

Com que figura histórica mais se identifica?

Sá Carneiro.

Quem são os seus heróis na vida real?

Todos aqueles cujo trabalho resulta em benefício do próximo .

Quais os nomes próprios de que mais gosta?

Ema e Ana.

Qual o seu maior arrependimento?

Tudo o que podia ter feito mas que deixei por fazer.

Como gostaria de morrer?

Em paz.

Qual o seu lema de vida?

Serve, serve, serve e aprende, sempre e em todas as situações.