O que explica o aumento da população no Algarve? Contratação de mão-de-obra para o turismo e turistas que vieram para ficar

Albufeira registou em 2019 mais nascimentos do que óbitos, ao contrário do resto da região. Agora, os resultados preliminares do Censos dizem que é dos que mais crescem em termos de população no Algarve. Alcoutim, um concelho sem mar, é o que regista a maior queda.

Foto
nuno ferreira santos

Albufeira ilustra bem o que se passa numa região onde o turismo serve de íman para atrair gente jovem e reformados. A sua população cresceu 8,2% na última década — acima do crescimento de 3,7% observados globalmente no Algarve e ao arrepio da tendência de decréscimo observada no país e registada nesta quarta-feira nos resultados preliminares do Censos 2021. Luís Coelho, docente da Faculdade de Economia da Universidade do Algarve, não tem dúvidas sobre a explicação: "Os estrangeiros que incorporam a população residente” e a mão-de-obra recrutada, sobretudo para trabalhar na área da hotelaria e restauração.