Mais 400 mil novos pobres passaram a viver com menos de 508 euros por mês

Estudo da Universidade Católica com base em valores de 2019 e estimativas para 2020 apresenta resultados “preocupantes”, diz a coordenadora da investigação Joana Silva. “Os apoios do Governo foram muito expressivos, e mesmo assim temos um aumento da taxa de pobreza em quase 25%.”

Foto
Os novos pobres da pandemia dispõem de 6100 euros por ano Paulo Pimenta

Com a crise pandémica do último ano, cerca de 400 mil pessoas caíram abaixo da linha da pobreza: passaram a ter menos de 508 euros ao final do mês. Este é o valor de referência do limiar da pobreza em Portugal, representado por 60% do rendimento mediano em Portugal, e que serviu de referência para o estudo O impacto da Covid-19 na Pobreza e na Desigualdade em Portugal e o efeito mitigador das políticas de protecção publicado esta terça-feira.

Sugerir correcção
Ler 31 comentários