“Se já passeiam no Jardim da Gulbenkian, porque é que não entram dez minutos no museu?”

A presidente da Fundação Gulbenkian, Isabel Mota, apresentou esta manhã os dois novos directores dos museus. Benjamin Weil deseja que passear no Centro de Arte Moderna seja tão natural como fruir do jardim. António Filipe Pimentel quer uma equipa com diálogo internacional.

gulbenkian,guilherme-doliveira-martins,fundacao-calouste-gulbenkian,museus,artes,culturaipsilon,
Fotogaleria
Os dois novos directores dos museus da Gulbenkian: Benjamin Weil e António Filipe Pimentel josé fernandes
gulbenkian,guilherme-doliveira-martins,fundacao-calouste-gulbenkian,museus,artes,culturaipsilon,
Fotogaleria
Isabel Mota e Guilherme d'Oliveira Martins presidiram à conferência de imprensa desta manhã JOSÉ FERNANDES

A experiência dos últimos cinco anos, em que o Museu Gulbenkian esteve unido ao Centro de Arte Moderna (CAM), está definitivamente enterrada, esclareceu esta manhã Isabel Mota, presidente da Fundação Gulbenkian, no final da conferência de imprensa de apresentação dos novos responsáveis pelos espaços museológicos da instituição.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários