Os Óscares da pandemia que sentou o cinema no sofá são o trailer de uma nova era

Fechadas as salas, a Academia de Hollywood foi obrigada a abrir-se ao streaming. Os filmes nomeados são, méritos à parte, os que se estrearam apesar da covid-19. Embora atípica, a cerimónia deste domingo será um manancial de pistas sobre o futuro da indústria.

covid19,streaming,cultura,cinema,culturaipsilon,oscares,
Fotogaleria
, LUCAS JACKSON/ reuters
covid19,streaming,cultura,cinema,culturaipsilon,oscares,
Fotogaleria
CLEMENS BILAN/reuters

Os Óscares com asterisco, os Óscares com nota de rodapé, os “Oddscars”. Estas são apenas algumas das descrições que nas últimas semanas tentaram resumir o que será a grande noite de Hollywood marcada para este domingo. Os filmes nomeados são os que se estrearam apesar da covid-19, e entre eles o streaming ganhou terreno porque uma pandemia tirou milhões de espectadores das salas e mandou-os para casa. Há uma refrescante diversidade nas nomeações e, teoricamente, os filmes candidatos nunca estiveram tão perto do espectador literalmente mesmo em frente ao seu sofá , mas poucos os reconhecem.