Carta aos pais e familiares dos jovens cientistas de Portugal sobre offshores universitárias

Seria vantajoso para a Academia e para a sociedade que se procedesse a um minucioso levantamento das IPSFL que “habitam” no sistema público de ensino superior, ciência e tecnologia.

Foto
Nathan Dumlao/Unsplash

Escrevo para vos alertar para os riscos de um submundo nefando onde a vossa prole pode estar à beira de entrar, vítima das más companhias e da imprudência típicas da juventude. É um limbo que orla as torres de marfim das universidades e politécnicos portugueses.