Alemanha

Berlim disse adeus ao aeroporto de Tegel e apagou as luzes

São 72 anos de história, dos tempos da Guerra Fria até ao último voo para Paris no sábado, que chegaram ao seu final mais ou menos feliz. No sábado, Berlim encerrou para sempre o aeroporto de Tegel.

Uma vista geral do aeroporto enquanto as luzes são desligadas no aeroporto de Tegel Reuters/MICHELE TANTUSSI
Fotogaleria
Uma vista geral do aeroporto enquanto as luzes são desligadas no aeroporto de Tegel Reuters/MICHELE TANTUSSI

Para além do seu passado ligado à aviação militar, foram mais de sete décadas de história para o Tegel. E que história! Com pista e edificações construídas em tempo recorde – três meses, por ordem dos franceses – em 1948, no tempo da Guerra Fria e em pleno bloqueio soviético a Berlim Ocidental, foi de uso militar até aos anos de 1960 e usado a partir daí para a aviação civil.

Foi com o seu ar dos anos setenta que o Tegel, dois dias antes antes se completarem 31 anos sobre a queda do muro de Berlim, se despediu dos berlinenses no sábado. Uma cerimónia oficial de despedida com muita gente a acorrer ao local com um lenço a dizer auf Wiedersehen para assistir a um momento histórico: o último voo. Por sinal, e para ligação entre tempos, com destino Paris e a mesma companhia aérea que fez o primeiro voo comercial, a Air France, em Janeiro de 1960. Foi a primeira a aterrar, a última a partir. 

Foi assim, e com um "Obrigado Tegel!", que Berlim fechou as portas ao aeroporto, baptizado de Otto Lilienthal (um pioneiro da aviação alemã) que foi uma "porta para o mundo", como disse o presidente da câmara da cidade, Michael Müller, e desligou as luzes, um evento só possível após ter entrado em operação (com nove anos de atraso), o novo aeroporto BER, Berlim-Brandeburgo​, baptizado de Willy Brandt em homenagem ao antigo chanceler. 

Já em 2008, a Alemanha tinha encerrado outro ícone aéreo de Berlim, o aeroporto de Tempelhof, que foi transformado num parque. O espaço de Tegel deverá ser usado para construção de habitação e para um campus universitário, mantendo-se o terminal com o seu marcante desenho hexagonal e a torre como monumentos históricos.

Dois momentos finais do Tegel: vista geral após o último avião levantar voo e depois das luzes serem desligadas
Dois momentos finais do Tegel: vista geral após o último avião levantar voo e depois das luzes serem desligadas Reuters/ANNEGRET HILSE
Muitos foram despedir-se do aeroporto, aqui a tirarem fotos do último avião, o voo Air France para Paris
Muitos foram despedir-se do aeroporto, aqui a tirarem fotos do último avião, o voo Air France para Paris EPA/HAYOUNG JEON
A assistir à partida do último voo, Paris pela Air France
A assistir à partida do último voo, Paris pela Air France EPA/CLEMENS BILAN
A tripulação do último voo, Paris pela Air France num Airbus A320
A tripulação do último voo, Paris pela Air France num Airbus A320 EPA/FILIP SINGER
Muitos foram visitar o aeroporto nos últimos dias
Muitos foram visitar o aeroporto nos últimos dias EPA/HAYOUNG JEON
Última chamada para o último voo, Berlim-Paris-Charles de Gaulle
Última chamada para o último voo, Berlim-Paris-Charles de Gaulle Reuters/MICHELE TANTUSSI
No Terminal A do Tegel na despedida
No Terminal A do Tegel na despedida Reuters/ANNEGRET HILSE
No Terminal A, depois da partida do último voo
No Terminal A, depois da partida do último voo Reuters/ANNEGRET HILSE
Fotos para a despedida na cerimónia do adeus: na imagem os responsáveis pelo novo aeroporto BER, Engelbert Luetke Daldrup, e o presidente da câmara de Berlim, Michael Mueller
Fotos para a despedida na cerimónia do adeus: na imagem os responsáveis pelo novo aeroporto BER, Engelbert Luetke Daldrup, e o presidente da câmara de Berlim, Michael Mueller Reuters/POOL
O último voo prepara-se para a partida
O último voo prepara-se para a partida Reuters/ANNEGRET HILSE
Muita gente foi despedir-se do aeroporto e assistir ao último voo
Muita gente foi despedir-se do aeroporto e assistir ao último voo Reuters/POOL
A tripulação do último voo, Paris com Air France, em pose para a foto histórica
A tripulação do último voo, Paris com Air France, em pose para a foto histórica Reuters/ANNEGRET HILSE
O último voo faz-se aos ares
O último voo faz-se aos ares Reuters/MICHELE TANTUSSI
Vista geral enquanto as luzes são apagadas num simbólico adeus
Vista geral enquanto as luzes são apagadas num simbólico adeus Reuters/ANNEGRET HILSE
Vista geral após a partida do último voo
Vista geral após a partida do último voo Reuters/MICHELE TANTUSSI
Sugerir correcção