Especialistas propõem máscaras ao ar livre e restrições locais face ao aumento de casos de covid-19

O pneumologista Filipe Froes diz que “o risco da pandemia” está a ser “subestimado pela população”, insiste na “adesão total a medidas de contenção”, como o uso de máscaras “em espaços públicos abertos” e sugere o recrutamento de estudantes de cursos de saúde. Um pouco por toda a Europa se apertam restrições.

Foto
Miguel Manso

Estabelecer medidas mais ou menos restritivas consoante o risco existente em diferentes zonas do país. Usar máscara mesmo em espaços públicos abertos. Exigir que a tutela publique a norma que orienta o uso dos vários testes à covid-19, incluindo os rápidos. Alocar os recursos humanos necessários ao Serviço Nacional de Saúde (SNS) e à vigilância epidemiológica. Recrutar estudantes no final de cursos de saúde para fazerem, por exemplo, o rastreio de contactos, libertando os médicos de família para outras necessidades. Numa altura em que Portugal regista um aumento no número de infecções diárias por SARS-CoV-2, estas são apenas algumas medidas que especialistas ouvidos pelo PÚBLICO consideram que deviam ser tidas em conta pelo Governo no combate à pandemia.