Torne-se perito

Ansu Fati responde à letra a Suárez

Benjamim do FC Barcelona bisou em 19 minutos e ainda ganhou o penálti que resultou no 445.º golo de Messi na Liga espanhola.

Ronald Koeman estreou-se à frente do FC Barcelona com uma goleada
Fotogaleria
Ronald Koeman estreou-se à frente do FC Barcelona com uma goleada LUSA/ENRIC FONTCUBERTA
Ansu Fati bisou em 19 minutos, animando a noite de Messi
Fotogaleria
Ansu Fati bisou em 19 minutos, animando a noite de Messi Reuters/ALBERT GEA

O FC Barcelona iniciou este domingo a Liga espanhola com uma goleada (4-0) ante o Villarreal, na estreia do treinador Ronald Koeman - e do português Francisco Trincão - , abençoada pelo bis “relâmpago” do jovem Ansu Fati, que ainda adoçou a boca de Lionel Messi.  

Depois da goleada (6-1) do Atlético de Madrid ao Granada e da estreia fulgurante do ex-Barcelona Luis Suárez, com um bis, uma assistência e um remate ao poste, tudo em 23 minutos, Ansu Fati - o futuro dos catalães -, respondia contundentemente ao desafio do uruguaio, terceiro maior goleador da história do Barça.

Com a insolência típica dos 17 anos, Fati (titular) bisou em 19 minutos, “cavando” um penálti para o primeiro sorriso da época do astro Lionel Messi, que somou o 445.º golo na liga e forçou o autogolo de Pau Torres, ao cair do pano do primeiro tempo.

O Barcelona fazia o resultado nos primeiros 45 minutos, apesar de Trincão ter ameaçado dilatar a vantagem no jogo que marcou a estreia de “blaugrana”.

Sugerir correcção