Notas máximas nos exames nacionais quase duplicaram em 2020

Houve mais de 15 mil provas classificadas com 19 e 20 valores este ano. Mudanças das regras por causa da covid-19 e o tipo de alunos que fez os exames justificam resultados, apontam professores.

Só quem queria seguir estudos no superior foi a exame este ano
Foto
Só quem queria seguir estudos no superior foi a exame este ano PAULO PIMENTA

No ano que é o primeiro da covid-19, os alunos do secundário estiveram em casa quase dois meses, voltaram de máscara às escolas em Maio para se prepararem para os exames nacionais e quando chegou a altura arrebataram no geral resultados bem acima do que tem sido a norma. Só no que respeita às notas de 19 e 20 valores, as mais altas da escala, o seu número quase que duplicou por comparação a 2019, mostram os gráficos de distribuição das classificações por disciplina agora divulgados pelo Júri Nacional de Exames (JNE).