Opinião

E Trump consegue respirar?

A destruição e o caos só podem agravar a crise e favorecer o Presidente. Porquê? Porque em quatro anos não há muito que lhe reste do America first.

Um polícia branco pressiona o joelho sobre o pescoço de um homem negro, imobilizado. O homem não oferece resistência e grita repetidas vezes: “Não consigo respirar.” Não se sabe se por negligência, mas certamente por crueldade, o joelho do polícia não sai de cima do pescoço do homem. Durante 9 minutos e 46 segundos, até à morte por asfixia. O mundo assistiu com repulsa e horror a este assassinato. Mas nada disso é novo na sociedade norte-americana: nem o racismo, nem a brutalidade policial. O que é novo é a atitude da liderança política: um presidente que não acalma, mas acicata; que não une, mas divide – para tirar daí dividendos políticos.