Afastados dos pequenos traficantes de rua, consumidores de cannabis recorreram mais à Internet

Relatório conjunto do Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (EMCDDA) e do Serviço Europeu de Polícia indica que pandemia de covid-19 não travou tráfico global de drogas ilícitas. Houve problemas de distribuição em alguns sítios.

sociedade,crime,uniao-europeia,trafico-droga,combate-drogas,europa,
Foto
Sergio Azenha

As restrições de circulação e outras medidas tomadas para controlar a pandemia de covid-19 não travaram o tráfico global, mas tiveram impacto nalguns mercados locais de drogas ilícitas, diminuindo pureza e elevando preços. Os consumidores de cannabis recorreram mais à Net.