Pinto da Costa recandidata-se “a pensar nas dificuldades” actuais

Presidente do FC Porto avançou para eleições preocupado com o presente e com os desafios do futuro.

,Primeira Liga
Foto
LUSA/JOSÉ COELHO

Pinto da Costa assumiu este domingo, no lançamento do site oficial da recandidatura à presidência do FC Porto, que vai a eleições “a pensar nas dificuldades tremendas do presente”.

No site pintodacosta2020, o presidente dos “dragões” revelou estar confiante que o clube ainda alcançará “muitos sucessos”, pensando no futuro e deixando de lado o passado de triunfos que apenas conta no currículo.

“Nesta minha primeira comunicação aos sócios do FC Porto, queria saudá-los efusivamente e agradecer tudo aquilo com que têm contribuído para o engrandecimento do FC Porto. Tenho muito orgulho no meu passado como dirigente desportivo no FC Porto: pelos anos que passei como chefe de secção; pelos anos que fui director das actividades amadoras, na presidência de Afonso Pinto de Magalhães; pelos quatro anos de sucesso que o FC Porto teve sob a presidência do Dr. Américo de Sá, em que eu fui director para o futebol; e em todo o passado como presidente do FC Porto”, começou por referir o dirigente, que admitiu ainda estar de olhos postos no presente e no futuro.

Contudo, “não é a pensar nesse passado” que Pinto da Costa se candidata, mas “a pensar nas dificuldades tremendas do presente, e na esperança e na certeza” que tem de que, com a sua nova equipa, vai “conseguir sucessos no futuro, solidificar o clube, para que ele possa continuar a ser um dos grandes do futebol europeu”.

As eleições no FC Porto estão agendadas para os dias 6 e 7 de Junho e contam com três listas candidaturas, encabeçadas por Pinto da Costa, Nuno Lobo e José Fernando Rio.

Sugerir correcção