Benjamin Davies/Unsplash
Foto
Benjamin Davies/Unsplash

Desligados: este podcast de ficção científica tem um travo de realidade

Criada em tempos de pandemia, a nova série de podcasts de ficção científica da Your Podcast passa-se no futuro. Sete episódios com sete personagens “desligadas do mundo” que se vêem a braços com o isolamento social.

Os calendários marcam 2054 e 2087, mas as histórias deixam um leve travo a 2020. São os anos em que se passam os dois primeiros episódios do novo podcast de ficção científica em Portugal, Desligados, num futuro próximo em mais do que um sentido. Produzido pela empresa Your Podcast, esta série de sete episódios narra as experiências de solidão e confinamento vividas por sete personagens, sempre na primeira pessoa. 

A inspiração na realidade actual é óbvia, mas a criação de podcasts de ficção já era um objectivo da Your Podcast, que cria conteúdo áudio para serviços de promoção turística em municípios ou museus nacionais.Com a quarentena e o fecho dos museus, ficamos com o trabalho praticamente reduzido a zero e aproveitamos para pôr em prática este projecto que já tínhamos na gaveta. Queríamos que os temas tivessem a ver com o que estamos a passar, daí o podcast abordar os cenários de pessoas confinadas, ou por opção ou por obrigação”, explica Paulo Oliveira Sousa, co-fundador da Your Podcast, ao P3. Os episódios encontram-se no Spotify, YouTube, Facebook, SoundCloud e Apple Podcasts, entre outras plataformas.

Lançado a 24 de Abril e com uma duração de 20 minutos, O Sussurro relata a história de um jovem deambulante e incapaz de ouvir o mundo que o rodeia, conseguindo apenas ouvir-se a si mesmo. O segundo episódio, Um Sermão Furado, foi publicado a 12 de Maio e foca-se “na vida de um homem de Deus”, depois de uma peste infecciosa ter levado à desertificação do planeta. Já o terceiro episódio vai chegar na próxima terça-feira, 19 de Maio. “Chama-se O Aquário do Biólogo Marinho e conta a história de um biólogo marinho que está sozinho num submarino no Oceano Atlântico e começa a fugir às directrizes que tinham sido estipuladas pelos superiores, e a sucumbir à loucura e à obsessão”, revela Paulo Oliveira Sousa.

O guião ficou a cargo de João Palhares e as vozes são de António Durães, Paulo Oliveira Sousa, Pedro Avelar e Sofia Peixoto, com sonoplastia de Paulo Oliveira Sousa e Pedro Avelar. “O guionista escrevia e discutíamos por videoconferência, até algumas escolhas de palavras que tiveram de ser aprimoradas, uma vez que escrever para áudio é diferente de escrever para vídeo. As próprias gravações dos actores foram feitas nas casas deles e enviadas por email e depois fomos tratando e editando”, relata Paulo Oliveira Sousa. O trabalho começou há perto de dois meses e foi feito “quase sempre de forma remota”.

Nota-se o crescimento dos podcasts documentais ou de opinião em Portugal nos últimos anos, mas o mesmo ainda não se verifica no género ficcional. Paulo Oliveira Sousa sente que esta tendência está a mudar, “até a julgar pelo que se vê noutros países, especialmente os anglo-saxónicos, onde os podcasts têm cada vez mais ouvintes” — e deixa clara a intenção da Your Podcast em avançar com mais projectos.

“Temos em mente criar mais podcasts de ficção, até porque estamos a adorar a experiência e está a ser muito interessante”, conclui.

Sugerir correcção