Estudantes do superior pediram 8,6 milhões de euros aos bancos

Desde o início do ano lectivo foram assinados 700 contratos na linha de crédito bonificado, em que o Estado é fiador. Número aumentou 40% face ao ano anterior.

Foto
Sara Jesus Palma

Desde o início deste ano lectivo, os estudantes das universidades e politécnicos pediram 8,6 milhões de euros aos bancos ao abrigo de uma linha de crédito bonificado, em que o Estado é fiador. Este valor representa um aumento de 40% em relação ao ano anterior, quando este sistema foi reintroduzido pelo Governo. Os números continuam, porém, abaixo do que era habitual antes da sua suspensão, em 2015.