Coronavírus

Foram descobertos: cães a trabalhar de casa durante a crise de covid-19

Fotogaleria

Wilson está a vigiar o rebanho online. Arnold ficou-se pela camisa e gravata antes de se sentar na reunião da tarde, por Zoom. E Russel, a cabeça tombada em cima da secretária, "somos todos nós" — ou pelo menos alguns dos que, com a crise de covid-19, experimentam pela primeira vez trabalhar a partir de casa.

Os cães na conta de Instagram @dogsworkingfromhome são a "cura perfeita para a procrastinação das 15h". E um bom antídoto para quem se quer distrair durante o confinamento (ou uma viagem de metro, quando ficar em casa não é opção). Porque "há alguma coisa que os cães não consigam melhorar?", pergunta o criador da conta, Mark Polchleb. "Criei esta conta para ajudar a espalhar felicidade num momento tão incerto e inquietante como este é para tantas pessoas em todo o mundo", conta, ao P3. 

O gestor de marcas gere também uma outra conta dedicada aos dois animais de companhia com quem Mark e o marido partilham a casa, em Melbourne, na Austrália. Billie e Ollie foram os primeiros protagonistas do perfil criado a 17 de Março, seguido por mais de 70 mil utilizadores. "Imaginei que deveria haver milhares de pessoas a experienciar algo semelhante, por isso decidi divertir-me com isso."

Desde a primeira publicação na @dogsworkingfromhome, as submissões de fotografias com cães em frente a ecrãs, de óculos ou a fugirem ao trabalho chegam a um ritmo que interfere com o verdadeiro trabalho do australiano. E as centenas de imagens que recebe diariamente distraem-no mais do que os próprios cães que lhe fazem companhia, agora durante 24 horas. 

Prometemos, eles estão tão confusos como os humanos. "Acho que os meus cães estão sempre a perguntar-se porque é que estamos constantemente em casa", diz Mark, enquanto muda a cama dos dois de sítio, mais uma vez, para apanharem sol. Pelo menos, nós sabemos o quão importante é ficar em casa. 

Actualizado a 4 de Abril com as respostas de Mark Polchleb, o criador da página.

@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
@dogsworkingfromhome
Sugerir correcção