DIA Portugal dá bónus de 250 euros aos colaboradores

Grupo DIA Portugal, que detém as lojas Minipreço, Clarel e Mais Perto, vai dar um bónus de 250 euros aos colaboradores no mês de Abril. Outros supermercados, como Continente e Auchan, tomaram medidas similares.

Foto
Tiago Lopes

A distribuidora alimentar internacional DIA vai distribuir, no mês de Abril, cerca de 1,3 milhões de euros entre os seus colaboradores e franqueados das lojas Minipreço, Clarel e Mais Perto. O bónus de 250 euros serve para reconhecer a “dedicação e esforço” dos colaboradores durante a crise do coronavírus.

As últimas semanas têm sido bastante intensas para todos. Nada disto seria possível sem a extrema dedicação de todos vós”, diz Miguel Guinea, Presidente Executivo da DIA Portugal. “Esta é a nossa forma de gratidão por tudo o que tem conseguido dia após dia para que milhares de portugueses continuem a abastecer os seus lares e alimentar as suas famílias”.

A DIA Portugal conta com um total de 3.668 colaboradores e 256 franqueados que empregam 1649 pessoas.

Outros supermercados também já colocaram em prática medidas similares, com aumentos salariais. A cadeia de supermercados Auchan vai entregar prémios de 20% do salário bruto de Março aos cerca de 9000 funcionários em Portugal. O Mercadona e o Continente adoptaram a mesma medida.

O Pingo doce não tomou medidas a nível salarial mas criou um sistema rotativo, em vigor desde 16 de Março, que permite aos colaboradores ficarem em casa de quarentena à vez, sem afectar o salário.

Fora do sector de distribuição alimentar, a PSA Sines, multinacional de Singapura que detém a concessão do terminal de contentores do porto de Sines, vai pagar mais 300 euros a cada trabalhador no mês de Março. 

Texto editado por Ana Fernandes

Sugerir correcção