Jihadistas voltam a atacar em Moçambique e estão mais próximos de Pemba

Um grupo islamista armado ligado ao Daesh invadiu esta quarta-feira a vila de Quissanga. Incendiou edifícios e levou à fuga da população, 48 horas depois de ter feito o mesmo em Mocímboa da Praia. Os insurgentes estão a 100 km da capital de Cabo Delgado, no Norte de Moçambique.

Infantaria
Foto
Jihadistas fotografados junto ao comando distrital da polícia de Quissanga DR

Entraram de madrugada aos tiros, envolveram-se em combates com as forças de defesa e segurança, incendiaram viaturas e edifícios à sua passagem, nomeadamente a sede do comando distrital da Polícia da República de Moçambique, onde se fotografaram em jeito conquistador. Foi assim na segunda-feira em Mocímboa da Praia, num ataque reivindicado pelo Daesh, é assim, esta quarta-feira, em Quissanga, outra capital de distrito de Cabo Delgado, 200 km a sul.