Governo ficou perto da promessa de contratar 5000 doutorados

Anterior legislatura ficou a 49 contratos de cumprir a meta estabelecida por Manuel Heitor. Ministro da Ciência reduziu o número de bolsas de pós-doutoramento para apostar em contratos de trabalho.

Foto
Manuel Heitor Rui Gaudêncio

O ministro da Ciência, Manuel Heitor, tinha prometido contratar 5000 doutorados ao longo da anterior legislatura. Os dados oficiais mostram que esse objectivo foi praticamente cumprido, ficando aquém por apenas 49 contratos. Foram 4951 os vínculos assinados aos quais se juntarão, pelo menos, mais 400 ao longo dos próximos meses.