Lista única para a comissão política nacional do CDS do aprovada por 66%

Lista do novo líder do CDS obteve 865 votos. Votos em branco foram 451.

Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria

A lista para a comissão política nacional de Francisco Rodrigues dos Santos obteve 865 votos (65,7%), tendo sido registados 451 sufrágios brancos A lista para a mesa do congresso, liderada por Martim Borges de Freitas, alcançou 879 votos (66,8%). Esta lista contou com 435 votos brancos.

Já a lista da direcção para o conselho nacional, a que Filipe Anacoreta Correia passa a presidir, arrecadou 678 votos (51,9%) e a lista para o conselho nacional de jurisdição contou com 699 sufrágios (53,9%). Alberto Coelho foi a escolha de Francisco Rodrigues dos Santos para o órgão de jurisdição. António Carlos Monteiro, que o presidente do partido convidou para vice-presidente da comissão política nacional, era o presidente cessante deste órgão.

A lista do conselho de fiscalização apresentada pela direcção conseguiu 714 votos. Marco Rodrigues Dias é o novo presidente do conselho de fiscalização do CDS, que até agora presidido por Alberto Coelho.

João Almeida, derrotado na disputa pela liderança do partido, encabeçou a lista B ao conselho nacional que recolheu 581 votos (44,5%). João Almeida também apresentou listas ao conselho nacional de fiscalização, que contou com 490 sufrágios, e ao conselho nacional de jurisdição, que obteve 508 (39,2%). Francisco Aguiar é o novo presidente do conselho de fiscalização e Diogo Feio, que era vogal da comissão política nacional de Assunção Cristas, é o novo presidente do conselho de jurisdição

Da lista de João Almeida ao conselho nacional fazem parte muitas caras conhecidas como Telmo Correia, Hélder Amaral, Adolfo Mesquita Nunes, Raquel Vaz Pinto, Álvaro Castello-Branco, Nuno Magalhães e Catarina Araújo (vereadora da Câmara do Porto), entre outras. O ex-deputado Pedro Mota Soares é o primeiro suplente da lista ao conselho nacional opositora à da nova direcção nacional.

Sugerir correcção