Três cantos, três golos e Paulo Fonseca “assalta” Champions

A Roma sobe, à condição, ao quarto lugar – posição de apuramento para a Liga dos Campeões –, ficando à espera do que ainda fará o Cagliari nesta jornada.

Mancini fez o melhor golo da tarde
Foto
Mancini fez o melhor golo da tarde LUSA/RICCARDO ANTIMIANI

A Roma venceu o Brescia, por 3-0, neste domingo, em jogo da ronda 13 da Liga italiana. Com este resultado, a equipa de Paulo Fonseca sobe, à condição, ao quarto lugar – posição de apuramento para a Liga dos Campeões –, ficando à espera do que ainda fará o Cagliari nesta jornada.

No Olímpico, a primeira parte trouxe uma equipa da Roma mais pressionante e dominadora, mas com pouco acerto da baliza e zero oportunidades de golo, apesar de estar a jogar frente ao último classificado.

A seguir ao intervalo, a equipa de Paulo Fonseca aproveitou as bolas paradas e sempre com a mesma receita: três cantos e três lances com procura clara do inglês Smalling. Aos 49’, Smalling cabeceou, após um canto, beneficiando de um desvio num defesa adversário para fazer o primeiro golo. Pouco depois, novo canto. Não houve finalização imediata, mas, após insistência romana, Smalling, ainda na área adversária, assistiu Mancini para um grande golo, com uma execução em “volley”. Aos 65’, a história repetiu-se: a Roma procurou Smalling, num canto, e o inglês, de cabeça, assistiu Dzeko, que finalizou perto da baliza.

Ainda houve golos anulados para ambas as equipas, mas o resultado não se alterou.

Sugerir correcção