Opinião

Elisa Ferreira e os fundos europeus: a UE da semanada

O mais provável é esta gente continuar a viver num Portugal adolescente, à espera da semanada da mãe-Europa provedora de cheques.

Elisa Ferreira terá a pasta da Coesão e das Reformas na nova Comissão Europeia. Isto, claro, se o Parlamento Europeu vier a confirmar as escolhas de Von der Leyen, que padecem do duvidoso carimbo de Orbán em pastas fundamentais, como lembrou Rui Tavares, na quarta-feira, nas páginas do PÚBLICO.