28 viaturas para proteger praias não vigiadas

As pick-up vão patrulhar essencialmente praias não vigiadas no continente e em São Miguel, nos Açores.

Foto
D.R.

Pelo 9º ano consecutivo, a Volkswagen estabelece uma parceria com o Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), cedendo 28 pick-ups Amarok, especialmente preparadas e equipadas, ao ISN até ao fim da época balnear em 15 de Setembro. Ao projecto associam-se ainda a BP, que fornece o combustível e a Ageas, o seguro das viaturas. A cerimónia de entrega oficial dos veículos decorreu a 30 de Maio no Ministério da Marinha e foi presidida pela secretária de Estado da Defesa Nacional, Ana Santos Pinto.

Estas viaturas, preparadas para missões de busca e salvamento, destinam-se primordialmente ao patrulhamento de praias não vigiadas de norte a sul de Portugal continental, estando uma delas colocada na ilha de S. Miguel. São tripuladas por equipas de dois fuzileiros, habilitados com os cursos de nadador-salvador, condução de veículos todo-o-terreno, primeiros-socorros e oxigenoterapia. Pela primeira vez, para além do habitual equipamento de suporte básico de vida, as Amarok vêm equipadas com um desfibrilhador automático externo.

No ano passado, foram efectuadas 342 intervenções, com salvamento de 51 banhistas, 271 assistências de primeiros-socorros e 20 buscas com sucesso de crianças perdidas. Estima-se que estas pick-ups percorram cerca de 280 mil quilómetros durante cada época balnear e que, desde o início do projecto, tenham contribuído para 1600 salvamentos de vidas humanas. Mas, antes de se chegar a essas situações extremas, uma das missões destas equipas é aconselhar as pessoas que se encontram em praias não vigiadas a se deslocarem para outras onde existam nadadores-salvadores.