“Chico Buarque trouxe uma grande felicidade à língua portuguesa”

A cerimónia de entrega do Prémio Camões a Chico Buarque está prevista, provavelmente ainda este ano, para Lisboa. O escritor, que sempre disse que não escrevia poesia mas letras para músicas, e que tinha prosa de músico, soube em Paris do prémio para a sua obra.

M preto
Foto
DANIEL ROCHA/DANIEL ROCHA

Quando Bob Dylan ganhou o Prémio Nobel, em 2016, “houve no Brasil uma reacção um pouco patética”, discutindo-se se ele era poeta ou músico, mas com com esta atribuição do Prémio Camões 2019 a Chico Buarque já não se passou nada disso, faz notar o escritor brasileiro Paulo Roberto Pires, editor da Serrote, revista de ensaios do Instituto Moreira Salles.