Fotogaleria

Na Tailândia, o Ano Novo budista celebra-se com lutas de água

Fotogaleria

Por estes dias, os tailandeses estão a festejar o Songkran, evento anual que celebra a entrada no Ano Novo Budista e que é, muitas vezes, referido como o maior "festival de água" do mundo. Geralmente realizado entre o dia 13 e o dia 15 de Abril na Tailândia, o feriado é também comemorado em Laos, no Camboja e em Myanmar.

Durante três dias, e depois da primeira lua-cheia do mês de Abril, os budistas celebram o Ano Novo. Em alguns países, é comemorado em Janeiro. No Tibete, por exemplo, a população comemora na lua-cheia de Fevereiro, enquanto que na China, Vietnam e Coreia do Sul, as celebrações acontecem no final de Janeiro ou início de Fevereiro

O feriado começou por ser celebrado por uma visita aos familiares onde era habitual ser despejada água sobre as estátuas de Buda. Depois, evoluiu para uma celebração nas ruas onde milhares de pessoas participam em lutas com pistolas de água. A tradição de lançar água para as estátuas de Buda continua, mas é agora feita nas ruas. De acordo com a religião budista, o acto é sinónimo de lavar a má sorte do ano anterior. 

Os elefantes também são parte importante na celebração. São geralmente pintados com tintas e frases alusivas às comemorações e usam as trombas para atirar água aos participantes.

Tal como nas celebrações do Ano Novo Chinês que chamam cada vez mais curiosos, a Tailândia recebe todos os anos muitos turistas que procuram celebrar Songkran com os locais, principalmente em Banquecoque e noutras grandes cidades tailandesas. No dia 15 de Abril, o primeiro dia do Ano Novo Tailandês, a população junta-se perto dos templos e oferecem comida e vestes aos monges.