Bruno Lage assume que, comparado com Conceição, ainda é novato

O clássico entre FC Porto e Benfica está marcado para este sábado, às 20h30, no Estádio do Dragão.

Foto
LUSA/JOSÉ SENA GOULÃO

Bruno Lage, treinador do Benfica, reconheceu que, em matéria de experiência, perde para Sérgio Conceição, técnico do FC Porto. “Trata-se do campeão nacional, com uma longa carreira, quer na I Liga, quer a nível internacional. Por si só, está apresentado. Eu ainda estou a começar”, disse, nesta sexta-feira, na antevisão do clássico marcado para este sábado (20h30).

Olhando para o jogo, Lage, para além de confirmar a indisponibilidade de Jardel, recusou tentar adivinhar o "onze" do FC Porto: “Mais importante do que adivinhar o "onze" é perceber as dinâmicas do FC Porto. O FC Porto jogou contra nós em 4-4-2, na Taça da Liga, mas no campeonato foi diferente e tem alternado entre esse sistema e o 4-3-3. As dinâmicas estão muito bem identificadas: são diferentes à direita e à esquerda", detalhou, acrescentando: "Se jogar Marega, o FC Porto será muito forte no ataque à profundidade, pois é um jogador que tem uma grande capacidade nesse campo. Caso contrário, terão o Herrera a fazê-lo, que é também muito forte nesse aspecto, mas de maneira diferente".

O treinador do Benfica abordou ainda a importância desta partida nas contas do título, mas recusou o rótulo de “jogo decisivo”: “Trata-se de um jogo muito importante, mas não é decisivo. Decisivo é a equipa estar arrumada, como temos feito nos últimos dois meses. Temos de manter o equilíbrio, encontrar o nosso rumo e ser consistentes, porque isso é que faz as equipas ganharem campeonatos”.

Por fim, Bruno Lage deixou elogios a alguns dos jovens jogadores do Benfica, recordando que, apesar da idade, estão habituados a clássicos. "[João Félix, Ferro, Florentino Luís, Gedson Fernandes e Jota] Já defrontaram o FC Porto nos campeonatos de iniciados, juvenis e juniores dezenas de vezes. Tendo 18, 19 ou 20 anos são jovens com muita maturidade e o que fizemos recentemente na Turquia foi uma boa resposta para o jogo que aí vem. Sinto que estão preparados para jogar este jogo", disse Bruno Lage, na conferência de imprensa.