Valência arranca empate tardio em casa do Betis

Os andaluzes estiveram a vencer por dois golos mas não conseguiram segurar a vantagem na primeira mão das meias-finais.

Sergio Canales nos festejos do golo do Valência aos 90+1'
Foto
Sergio Canales nos festejos do golo do Valência aos 90+1' Reuters/MARCELO DEL POZO

Betis e Valência empataram a dois golos na primeira mão das meias-finais da Taça do Rei de Espanha. A equipa andaluza, na qual alinha o português William Carvalho, esteve ainda a vencer por 2-0, em Sevilha, mas a entrada do avançado francês (com avô paterno português) Kevin Gameiro fez o Valência regressar à discussão do resultado, para o acesso à final da competição. Real Madrid e Barcelona, que empataram a um golo na quarta-feira em Camp Nou, são os outros semifinalistas.

A partida começou com uma contrariedade para o Betis. A equipa orientada por Quique Sétien foi forçada a tirar do campo o defesa central Marc Batra aos 10’ devido a lesão. O ex-jogador do Benfica Javi García substituiu o compatriota.

O Betis inaugurou o marcador antes do intervalo, aos 44’. De cabeça, Loren Moron assinou o golo após um outro cabeceamento de  Sidnei (ex-Benfica), ao segundo poste, na sequência de um canto curto batido por Joaquín.

O capitão do Betis voltou a estar em destaque na segunda parte, novamente a partir de um canto que foi directo à baliza do Valência e resultou em golo. O guarda-redes Doménech ainda defendeu a bola aos 53’, mas já dentro da baliza, após verificação do videoárbitro.

O Valência respondeu momentos mais tarde, quando o treinador Marcelino Toral lançou Kevin Gameiro e Geoffrey Kondogbia para substituir Santi Mina e Francis Coquelin. O golo dos visitantes surgiu aos 69’, saído da cabeça de Cheryshev. Mesmo pressionado por dois adversários, o médio ofensivo cabeceou bem perto da baliza após recuperação de Dani Parejo e um cruzamento de Gameiro no lado esquerdo.

Mais tarde, Gameiro ainda serviu o companheiro de equipa do lado direito, mas o russo cabeceou à barra da baliza do Betis. Até que, já dentro do período de três minutos de compensação, os papéis inverteram-se. O ponta-de-lança gaulês encosta para o fundo das redes de Joel Robles após cruzamento rasteiro de Rodrigo à esquerda, proporcionado por uma recuperação de Cheryshev.

A segunda mão desta meia-final da Taça do Rei acontece no dia 27 de Fevereiro, no Estádio Mestalla, em Valência. Real Madrid e Barcelona jogam no Santiago Bernabéu no dia anterior.