Ensino Superior

Alojamento universitário: mostra-nos os piores exemplos

Envia para [email protected] fotografias dos piores anúncios, dos quartos mais caros, das casas com menos condições ou escreve um pequeno depoimento. 

Fotogaleria

As queixas dos estudantes universitários repetem-se: preços altíssimos, casas que são cubículos, quartos que nem uma janela têm, contratos de arrendamento que não existem. “Não está fácil para ninguém, somos vítimas da especulação imobiliária”, atira Eduardo Silva, um dos estudantes que, em protesto contra a falta de alojamento para estudantes e os elevados preços dos arrendamentos, pernoitaram na rua na segunda-feira, 24 de Setembro. 

Queremos conhecer a tua experiência. Denuncia. Até 1 de Outubro envia para [email protected] fotografias dos piores anúncios, dos quartos mais caros, das casas com menos condições ou escreve um pequeno depoimento. Inclui a localidade, uma frase e o preço. Mostra-nos aquilo que vives na pele com a crise do alojamento no ensino superior. 

Com os casos que recolhermos iremos fazer uma série de trabalhos sobre a problemática da falta de alojamento para estudantes universitários em várias cidades. Fala connosco. 

Imagem enviada por Bruna Costa
Imagem enviada por Babsy Rodrigues
"Arrendamento de um quarto por 650€. Só o quarto. Não é o apartamento."
"Arrendamento de um quarto por 650€. Só o quarto. Não é o apartamento." Imagem enviada por Inês Santos
"Um resultado de uma breve pesquisa no OLX. Partilho também a minha história favorita de andar a ver quartos. Fui com uma amiga ver um quarto no Campo Mártires da Pátria. Uma velhota deixou-nos entrar. Era uma cave (nao mencionado no anúncio) e após um longo corredor que fedia a mofo mostrou-nos toda contente um quarto sem janela e cujo colchão, além de manchado, era demasiado grande para a cama e tinha sido 'forçado' a encaixar naquela estrutura. O colchão estava aos altos e baixos e para ser enfiado daquela maneira só podia ser muito mole. A 'secretária' era uma prateleira de livros em cima de uma cómoda.  A senhora pedia a módica quantia de 400€ mas podia baixar para 375€ se eu a ajudasse com as limpezas. Não aceitei mas calculo que alguém tenha dito que sim..."
"Um resultado de uma breve pesquisa no OLX. Partilho também a minha história favorita de andar a ver quartos. Fui com uma amiga ver um quarto no Campo Mártires da Pátria. Uma velhota deixou-nos entrar. Era uma cave (nao mencionado no anúncio) e após um longo corredor que fedia a mofo mostrou-nos toda contente um quarto sem janela e cujo colchão, além de manchado, era demasiado grande para a cama e tinha sido 'forçado' a encaixar naquela estrutura. O colchão estava aos altos e baixos e para ser enfiado daquela maneira só podia ser muito mole. A 'secretária' era uma prateleira de livros em cima de uma cómoda.  A senhora pedia a módica quantia de 400€ mas podia baixar para 375€ se eu a ajudasse com as limpezas. Não aceitei mas calculo que alguém tenha dito que sim..." Imagem enviada por Babsy Rodrigues
Imagem enviada por Babsy Rodrigues
Imagem enviada por Márcia Salgueiro,Imagem enviada por Márcia Salgueiro
Imagem enviada por Carmen Rodrigues
"Como estudante universitária vivo num apartamento partilhado com outras cinco pessoas. Pago 350 euros com despesas incluídas por um quarto. A casa de banho é partilhada por cinco pessoas. Um achado! Se ficar a trabalhar por Lisboa esta será a minha situação por muitos e bons anos. Deixo este exemplo ilustrativo dos preços abusivos em Lisboa."
"Como estudante universitária vivo num apartamento partilhado com outras cinco pessoas. Pago 350 euros com despesas incluídas por um quarto. A casa de banho é partilhada por cinco pessoas. Um achado! Se ficar a trabalhar por Lisboa esta será a minha situação por muitos e bons anos. Deixo este exemplo ilustrativo dos preços abusivos em Lisboa." Imagem enviada por Inês Roça
"Envio um exemplo que vi num grupo onde se pode publicar quartos disponíveis para arrendar até 400 euros. Esta pessoa está a arrendar um quarto com quatro camas e cobra 230 euros por mês por pessoa. Neste quarto, cada rapariga tem direito apenas à cama e a uma mesinha de cabeceira. O objectivo é lucrar 920€/mês só neste quarto que tem que ser partilhado por quatro pessoas."
"Envio um exemplo que vi num grupo onde se pode publicar quartos disponíveis para arrendar até 400 euros. Esta pessoa está a arrendar um quarto com quatro camas e cobra 230 euros por mês por pessoa. Neste quarto, cada rapariga tem direito apenas à cama e a uma mesinha de cabeceira. O objectivo é lucrar 920€/mês só neste quarto que tem que ser partilhado por quatro pessoas." Imagem enviada por Fábio Almeida
"Há tempos encontrei no OLX e postei no Facebook um anúncio para aluguer de 'quarto' que era na verdade um vão de escada. O anúncio já não existe."
"Há tempos encontrei no OLX e postei no Facebook um anúncio para aluguer de 'quarto' que era na verdade um vão de escada. O anúncio já não existe." Imagem enviada por Daniel
"Em Coimbra a situação já é tão ridícula quanto isto: 250 e 300 euros sem despesas num t7..."
"Em Coimbra a situação já é tão ridícula quanto isto: 250 e 300 euros sem despesas num t7..." Imagem enviada por Alana Duarte
Imagem enviada por Vera Castro