Dias Ferreira é candidato à presidência do Sporting e mantém Peseiro como treinador

Na sexta-feira, o antigo presidente da Assembleia Geral do clube de Alvalade revelou disponibilidade em entrevista à SIC Notícias. Neste sábado vem

,
Foto
Rui Gaudêncio

O advogado Dias Ferreira garantiu neste sábado à agência Lusa que José Peseiro se manterá como treinador da equipa de futebol se for eleito. Dias Ferreira anunciou na sexta-feira, em entrevista à SIC Notícias, a candidatura à presidência da Direcção do Sporting sob o lema "Somos todos Sporting", pelo que se apresentará às eleições a 8 de Setembro para discutir a sucessão de Bruno de Carvalho juntamente com os outros três candidatos já assumidos, Frederico Varandas, Fernando Tavares Pereira e Pedro Madeira Rodrigues.

Esta será a segunda vez que Dias Ferreira se candidata à presidência do Sporting, depois de, em 2011, ter sido o terceiro mais votado, atrás de Godinho Lopes e de Bruno de Carvalho.

"[Candidato-me] Porque senti que havia qualidade nessa candidatura. Não pelos mesmos motivos de 2011. Mas na actual situação tive várias solicitações e motivação para me candidatar", referiu.

Dias Ferreira referiu ainda que não se revê em qualquer um dos outros candidatos, mas ressalvou que isso não significa que não tenha respeito pelas ideias e pelas pessoas.

"Não são razões de ordem pessoal. O facto de uma pessoa não se rever nas ideias de outra pessoa não quer dizer que não as respeite ou que as desconsidere", afirmou Dias Ferreira, acrescentando, contudo, que está "sempre disponível para conversar" com os outros candidatos.

Dias Ferreira admitiu também que já tem nomes para a sua lista, mas que ainda não pode divulgá-los.

Questionado sobre se José Peseiro será o seu treinador, respondeu: "claramente".

Na sequência da destituição de Bruno de Carvalho, decidida pela maioria dos sócios reunidos em assembleia geral em 23 de Junho, Dias Ferreira é o quarto candidato a apresentar-se.

Até às eleições, o Sporting é liderado por uma comissão de gestão presidida por Artur Pereira Torres, que designou José Sousa Cintra para o comando da SAD.

O antigo presidente contratou José Peseiro para treinador da equipa principal.

O antigo presidente da Mesa da Assembleia Geral do emblema de Alvalade concorre pela segunda vez à presidência do Sporting, depois de ter entrado na corrida em 2011. "Disse que tomaria uma decisão e é o que faço hoje", confirmou, sublinhando não ter nada contra as restantes três candidaturas conhecidas, ainda que não se reveja em nenhuma.