Uruguai salva-se a um minuto do fim

Giménez marcou o golo do triunfo dos sul-americanos frente ao Egipto.

Jogo entre o Uruguai e o Egipto
Foto
Jogo entre o Uruguai e o Egipto Reuters/DARREN STAPLES

Foi a um minuto dos 90 que José Giménez, defesa central do Atlético de Madrid, inaugurou o marcador em Ecaterimburgo e deu a vantagem decisiva ao Uruguai frente ao Egipto, em jogo do Grupo A do Campeonato do Mundo.

Na sequência de um canto e depois de uma partida em que não deslumbrou mas foi melhor do que o seu adversário, o Uruguai chegou ao único golo do encontro por intermédio de Giménez, num cabeceamento indefensável e permitindo aos sul-americanos entrarem a vencer neste Mundial.

O Egipto não teve Salah, a sua maior figura e que não saiu do banco de suplentes por ainda não estar completamente recuperado de uma lesão sofrida na final da Liga dos Campeões, ao serviço do Liverpool. E, apesar de ainda ter conseguido equilibrar as coisas no primeiro tempo, acabou por ser inferior no segundo tempo.

Uruguai e Egipto integram o Grupo A, juntamente com a Rússia e a Arábia Saudita.