Um morto em atropelamento na A1

Vítima mortal era um homem que saiu do carro e não um trabalhador da auto-estrada, como foi inicialmente afirmado pelas autoridades.

Foto
Pedro Cunha/Arquivo

Uma pessoa morreu num atropelamento que ocorreu durante a madrugada desta quinta-feira na A1, junto ao nó da Mealhada, disse fonte do Comando-Geral da GNR à Lusa.

Segundo o Destacamento de Trânsito da Mealhada, a vítima mortal é um homem de 35 anos, que circulava no sentido norte-sul e que parou a sua viatura na berma da auto-estrada e saiu do carro por razões desconhecidas.

Inicialmente, as autoridades indicaram que a vítima mortal seria um trabalhador das obras que decorrem naquele ponto da auto-estrada do Norte, em que o trânsito se processa em apenas uma via.

A A1 esteve cortada desde cerca das 2h30, altura da ocorrência, até por volta das 7h15, hora em que foi retomada a circulação.

De acordo com o Destacamento de Trânsito da Mealhada, estiveram no local três patrulhas da GNR, incluindo uma de investigação, bombeiros, INEM e uma viatura funerária para remover o corpo, cujo óbito foi declarado no local.