<p>Avi Richards</p>
Foto

Avi Richards

Megafone

Tudo em que deves pensar antes de uma roadtrip com o teu animal de companhia

Os gatos sentem-se mais seguros nas viagens, quando transportados em caixas transportadoras

Thierry Correia, médico veterinário do Departamento Comunicação Científica da Royal Canin Portugal

Antes de mais, se o teu animal de estimação nunca andou de carro, deverás começar por fazer viagens curtas para avaliares qual é a sua reacção. Muitos animais podem beneficiar com um bom momento de brincadeira antes das primeiras viagens, até porque o cansaço da brincadeira tem tendência para os deixar mais calmos durante a viagem.

A maioria dos animais tolera bem as viagens, mas, por vezes, alguns podem sofrer de ansiedade ou enjoos. Nestes casos, deverás falar com o teu médico veterinário acerca de uma medicação adequada.

Os gatos sentem-se mais seguros nas viagens, quando transportados em caixas transportadoras. Se o teu gato não estiver familiarizado com a transportadora, deixa-a aberta em casa uns dias antes da viagem, coloca alguns croquetes de alimento no interior. Sendo o gato um animal curioso, ele irá explorar o interior e poderá acabar por entrar espontaneamente na transportadora e sentir-se seguro.

É importante manteres o teu amigo de quatro patas seguro em caso de acidentes de viação, daí que deves optar por levá-los na parte de trás do carro, em caixas transportadoras para gatos e cães de pequeno e médio porte. Também existem sistemas de retenção para cães que podem ser conectados aos cintos de segurança dos carros. Os animais de estimação não devem andar soltos no carro, pois podem distrair o condutor e atrapalhar a condução.

Assegura uma boa ventilação da caixa transportadora e nunca deixes o teu animal de estimação sozinho no carro estacionado, mesmo com janelas abertas. Num dia quente um veículo pode atingir temperaturas superiores a 50º C em poucos minutos e o teu companheiro poderá sofrer de um golpe de calor que, frequentemente, é fatal.

Também o podes ajudar através da alimentação. Antes da viagem serve-lhe uma refeição ligeira, três a quatro horas antes de te fazeres à estrada.

Prepara um pequeno kit de viagem para o teu gato ou cão com água, um recipiente para hidratares o teu companheiro pelo menos a cada duas a três horas, uma coleira ou peitoral e uma trela suplementar, sacos de plástico de recolha de dejectos e algum acessório de higiene e medicação, caso seja o caso.

Não te esqueças de levar comida de elevada qualidade e digestibilidade, que seja adequada a idade, raça, actividade ou sensibilidade ao teu animal de estimação. Se tiveres que alimentar o teu animal durante a viagem, não o faças em movimento. Alimenta-o durante as paragens de descanso e dá-lhe algum tempo para digerir.

Evita confortar o teu cão se ele estiver com sinais de sofrimento/ansiedade. Confortar o cão, por mais natural que pareça, reforça a ideia de que algo mau ou anormal está acontecer. Faz o teu melhor para permanecer calmo e normal, prestando atenção aos sinais de verdadeiro sofrimento (em vez de desconforto).