Rúben Neves, o homem de quem se fala em Inglaterra

O médio português, ex-jogador do FC Porto, foi um dos grandes responsáveis pela promoção do Wolverhampton à Premier League.

Rúben Neves abraçado por um colega
Foto
Rúben Neves abraçado por um colega Andrew Boyers

Antigo jogador do FC Porto, Rúben Neves foi determinante para que o Wolverhampton regressasse à Premier League. Na sua época de estreia em Inglaterra, foi capitão dos “Wolves” por cinco vezes e marcou seis golos, um dos quais deu a volta ao mundo. O médio de 21 anos só não sabe se o seu desempenho no segundo escalão do futebol inglês foi suficiente para convencer Fernando Santos a incluí-lo no lote de jogadores que irá levar ao Mundial de futebol deste Verão.

Em declarações ao jornal britânico The Guardian, Rúben Neves não escondeu esse desejo. “Claro que todos os jogadores pensam nisso. Estou focado no ‘aqui e agora’ mas depois [de acabar a época] gostaria de ir ao Mundial e ficaria feliz com isso. [A federação] mandou-me uma mensagem a dar os parabéns pela promoção mas nada mais que isso", revelou o médio.

Em relação à forma como a temporada decorreu, Rúben Neves confessou a felicidade que, por estes dias, se vive na equipa orientada por outro português, Nuno Espírito Santo, e onde jogam vários futebolistas portugueses, como Roderick Miranda, Rúben Vinagre, Pedro Gonçalves, Ivan Cavaleiro, Diogo Jota e Hélder Costa.

"Estamos todos muito contentes porque alcançámos o nosso objectivo um pouco mais cedo do que o previsto, mas agora temos outros – queremos ser campeões. Faltam-nos três jogos, portanto vamos trabalhar para isso acontecer.

Eleito para o “onze” da época no Championship, Rúben Neves deverá ser um dos estreantes mais cobiçados da Premier League durante o próximo defeso. O médio português assegurou, porém, que deseja continuar no Wolverhampton. "Será a minha época de estreia na Premier League, é o lugar que o Wolverhampton merece e que os adeptos merecem também. Sou feliz aqui e, se possível, gostaria de fazer o meu primeiro ano na Premier League neste clube. Honestamente, adoro estar aqui, adoro os ‘rapazes’ e ficaria muito contente por continuar", disse o médio ex-FC Porto.