Tomás Silva mantém hipóteses em Espanha

Foi o melhor luso no arranque do Andalucia Costa del Sol Match Play 9

Tomás Silva joga cartada importante na sexta-feira / © FILIPE GUERRA
Foto
Tomás Silva joga cartada importante na sexta-feira / © FILIPE GUERRA

Tomás Silva iniciou hoje de forma demolidora a sua prestação no Andalucia Costa del Sol Match Play 9, prova do Challenge Tour de 200 mil euros que decorre até domingo no The Asia Course do La Cala Golf Hotel & Spa, em Mijas, Andaluzia.

Começando do 10, fez eagle no seu primeiro buraco e birdie no terceiro. Infelizmente, um par de duplos bogeys numa tarde com muito vento não lhe permitiu ir além de um resultado de 70 pancadas, 1 abaixo do par-71, o que lhe dá um lugar entre os 42.ºs.

“Consegui manter as emoções constantes ao longo da volta e aceitar os maus momentos como os duplos nos buracos 14 e 5. Aí cometi erros infantis que me custaram algumas pancadas. Obrigado ao meu caddie, Tomás Melo Gouveia [pai homónimo do campeão nacional amador], que foi uma preciosa ajuda no dia de hoje”, escreveu o jogador na sua conta de Atleta do Facebook.

Foi de longe o melhor dos três portugueses em prova, já que Ricardo Santos marcou 74 (+3) e está nos 112.ºs; e João Carlota marcou 76 (+5) estando nos 131.ºs.

O líder é o francês Victor Riu, com 61, seguido do inglês Charlie Ford com 63.

Esta é a primeira prova em match play no Challenge Tour desde o Öhrlings Swedish Matchplay, que foi ganho por Kalle Brinks no primeiro buraco do play-off face a um jogador que mais tarde se tornaria famoso – Henrik Stenson.

São 156 jogadores à partida, mas só os 32 primeiros após duas voltas seguem em frente para o fim-de-semana, em que se irão defrontar em partidas de match play de 9 buracos.

Tomás Silva está apenas a uma pancada do lote dos 27.ºs classificados…

Veja mais em www.golftattoo.com