Três instrutores dos Comandos notificados de penas

Três instrutores do curso 127 dos Comandos já conhecem as punições do Exército e têm agora 15 dias para apresentar recurso.

Foto
Miguel Manso

Foram proferidos os despachos de punição a três instrutores do curso 127 dos Comandos, que foram já notificados da decisão do Exército, informou ao PÚBLICO o porta-voz do Exército, o tenente-coronel Vicente Pereira. Começa agora o prazo de reclamação ou recurso para a entidade superior.

Expresso adianta que o Sargento Ricardo Rodrigues recebeu uma pena de proibição de saída do Regimento de Comandos na Serra da Carregueira durante “alguns dias” e que o médico Miguel Domingues ficará sem dois terços do ordenado durante um mês. O director do curso dos Comandos, o tenente-coronel Mário Maia foi também alvo de sanções, segundo o semanário.

O processo decorre na sequência da morte de dois recrutas dos Comandos no passado mês de Setembro. Notificados já da punição que o Exército lhes quer atribuir, os militares têm agora 10 dias para realizar uma reclamação ou 15 dias para apresentar recurso à entidade superior – neste caso será o Chefe do Estado Maior do Exército. Quando terminar esse prazo o processo ficará concluído confirmando-se as respectivas sentenças.

Sugerir correcção