Thomas Hosemann/Augsburg
Foto
Thomas Hosemann/Augsburg Thomas Hosemann/Augsburg

Estes semáforos são para quem não tira os olhos do smartphone

Novas luzes instaladas no pavimento das ruas, na cidade alemã de Augsburg, alertam os peões que não largam o ecrã dos gadgets.

Quem nunca desviou os olhos do passeio enquanto mandava uma mensagem ou consultava o email no smartphone que ponha o dedo no ar. Colisões (mais ou menos) inofensivas com postes ou outros peões são comuns e a culpa pode ser dos pequenos ecrãs que cada vez mais pessoas não largam. Para evitar acidentes na hora de atravessar a rua, a cidade alemã de Augsburg implementou semáforos especialmente desenhados para quem não tira os olhos do smartphone.

A premissa é simples: as luzes de aviso estão colocadas no chão e complementam os tradicionais semáforos com as figuras verdes ou vermelhas, mudando igualmente de cor conforme seja seguro, ou não, atravessar a rua. Para já, estas luzes LED foram colocadas em duas localizações da cidade.

A estação de Haunstetterstraße é uma delas e conta com 16 semáforos “do tamanho de uma base para copos”, escreve o jornal Guardian. As pequenas luzes fazem agora parte do pavimento adjacente a uma passadeira e avisam os peões se podem ou não atravessar a rua onde circulam os eléctricos. Após um período de experiência, as autoridades de Augsburg vão conduzir um inquérito aos transeuntes para perceberem se a ideia deve ser replicada noutras zonas da cidade.

PÚBLICO -
Foto
Thomas Hosemann/Augsburg

Ainda de acordo com o mesmo jornal, Augsburg não é a primeira cidade da Alemanha a reagir à tendência dos peões de não levantarem o olhar enquanto caminham: em Colónia existem três passadeiras de eléctricos com luzes semelhantes. Recentemente, em Munique, uma jovem adolescente morreu atropelada por um eléctrico quando estava a usar auscultadores. Como consequência, algumas passadeiras particularmente perigosas da cidade foram equipadas com semáforos especiais que enviam alertas para os “smartphones” através da aplicação Watch Out!.

Para descrever as pessoas que caminham sem deixar de prestar atenção aos telemóveis foi criada a palavra “smombie” (smartphone + zombie), escolhida como “Nova Palavra do Ano 2015” na Alemanha.

Segundo estudo recente citado pelo Guardian, um inquérito feito a 14 mil peões de Amesterdão, Berlim, Bruxelas, Paris, Roma e Estocolmo concluiu que “17% das pessoas usam o smartphone enquanto anda”. Jovens entre os 25 e os 35 anos são os mais smombies, com 25% a admitir o comportamento, revelou um outro estudo de 2013.