Miguel Rodrigues
Foto
Miguel Rodrigues

Tiago Girão e Pedro Cabral não defrontam o Mogliano

O CDUL defronta no próximo sábado os actuais vice-lideres do campeonato italiano no apuramento para a Challenge Cup

O Stadio Maurizio Quaggia será o palco, no próximo sábado, a partir das 13h30, da estreia do CDUL no qualifying de acesso à Challenge Cup. Em Mogliano Veneto, a cerca de 30 quilómetros de Veneza, os campeões nacionais terão pela frente uma missão muito complicada, frente ao actual vice-lideres do campeonato italiano, e fora dos convocados de Damian Steele para o duelo com o Mogliano Rugby estão nomes como Tiago Girão, Pedro Cabral, João Almeida ou Nathan Munro.

Com dois jogos quase em simultâneo para gerir – às 15h00 de sábado o CDUL defronta a Académica para a Divisão de Honra -, Damian Steele optou por dividir “o plantel em dois na segunda-feira para ser mais fácil a preparação”, para ambos os encontros. 

O treinador australiano optou por deixar de fora do encontro contra os transalpinos jogadores como Tiago Girão, Pedro Cabral, João Almeida, Miguel Vilaça, Vasco Melim, João Botelho e Nathan Munro, salientando que é “importante juntar jogadores experientes e outros jovens”. O objectivo de Steele é não descurar o jogo do campeonato, construindo duas equipas competitivas para estarem nas duas frentes.

PÚBLICO -
Foto

Sobre o jogo com o Mogliano Rugby, o técnico elogia o rival, que “joga muito bem a mão e ao pé” e salienta que este será um encontro “importante para alguns jogadores ganharem alguma experiência, jogando a um nível superior”.

PÚBLICO -
Foto

Adivinhando muitas dificuldades numa partida contra uma equipa de nível superior, o treinador do CDUL adverte que os seus atletas devem “disfrutar do momento, pensando que é um jogo difícil mas que também não é o mesmo que jogar com os All Blacks”. “É verdade que eles têm jogadores que alinham pelas suas selecções nacionais e jogadores de outros países, mas nós vamos seguir o nosso caminho”, refere.

PÚBLICO -
Foto

Desvalorizando a questão do resultado, o comandante do campeão nacional sublinha que a sua equipa “quer jogar bem e fazer um resultado favorável”, mostrando um “bom desempenho e uma boa atitude”. “Vai ser um bom desafio”, refere Damian Steele.