Tim Chong/Reuters
Foto
Tim Chong/Reuters

Ele quer tanto sair do país que criou um site sobre como emigrar

Ricardo Raimundo criou uma plataforma com dicas de como emigrar. Devido à afluência que o site começou a ter decidiu criar uma nova plataforma com ofertas de emprego no estrangeiro

Ricardo Raimundo está desempregado e quer muito emigrar. Este enorme desejo de partir levou-o a criar um site com dicas para quem quer sair do país. O Como Emigrar foi criado em Janeiro e teve tanto sucesso que Ricardo dediciu criar uma  plataforma anexa com ofertas de emprego no estrangeiro. Em quatro meses, os dois sites já tiveram mais de 500 mil visualizações.

 

O site "Como Emigrar" consiste numa plataforma de ajuda para quem quer emigrar. Oferece dicas e informações sobre vistos, trâmites legais entre outras questões importantes. Para o fazer, Ricardo consulta os sites das embaixadas e dos ministérios da emigração dos diversos países. Relativamente à plataforma anexa, Ricardo garante que “todas as ofertas são rigorosamente verificadas tanto em relação ao conteúdo como à veracidade”.

“Os sites são um local de ajuda, onde as pessoas podem encontrar informações que nenhum organismo público presta, ou que nenhum privado cede sem cobrar”, comenta Ricardo, de 31 anos. Na maioria dos casos, o site permite que as pessoas sejam autónomas para poderem responder aos anúncios e não dependerem de intermediários.

PÚBLICO -
Foto
Ricardo Raimundo tem 31 anos e está desempregado desde Outubro do ano passado DR

Um trabalho voluntário

Ricardo é o único administrador das plataformas e é um trabalho voluntário. Actualmente, as despesas do projecto são suportadas pela inclusão de publicidade nas plataformas (recentemente teve de fazer um “upgrade” para um servidor privado).

O criador do "Como Emigrar" é técnico de desenho de construção (ou desenhador projectista) e está desempregado desde Outubro do ano passado. Agora trabalha como freelancer na área do design e da programação. Um dos últimos trabalhos que realizou foi o site “Emprego Pelo Mundo”, administrado por Diogo Ribeiro.

O desenhador projectista iniciou este projecto devido “à vontade enorme” que tem de emigrar. Ricardo já escolheu Austrália como destino e está a planear tudo. “Em Julho vou com a minha namorada às feiras de emprego da Working In no Reino Unido. Caso não consigamos nada na feira, vamos iniciar contactos directos com empregadores australianos", afirma.