Benfica autorizado a emitir obrigações até 80 milhões

SAD ainda não revelou em que montante vai realmente endividar-se.

Foto
Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica Pedro Cunha

A Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do Benfica foi autorizada pela assembleia geral de accionistas a emitir dívida num montante até 80 milhões de euros.

Esta emissão de dívida pode ser feita sob a forma de “obrigações ou outros valores mobiliários até ao montante máximo global de 80.000.000 euros”, lê-se no comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

“O Conselho de Administração foi mandatado para executar a deliberação de autorização, uma ou mais vezes, nos termos mais convenientes para a sociedade”, acrescenta a mesma nota.

Esta autorização não significa que a SAD vá mesmo aumentar o endividamento em 80 milhões de euros.

Num recente encontro com jornalistas, Domingos Soares de Oliveira, administrador da SAD “encarnada”, explicou que será apenas emitido o montante que satisfaça as necessidades da sociedade, embora não tenha referido um número.

O Benfica tinha lançado em 2010 um empréstimo obrigacionista no valor de 40 milhões de euros, que terá de ser reembolsado em Abril deste ano.

Sugerir correcção